25.5.11

O Gol anulado da Ford

Seria este o compacto da Ford feito na base do Gol se a Autolatina não tivesse terminado? Eis o Ford Festiva...
Um tempo atrás me passaram um link deste site, mostra trabalhos de design para diversas montadoras, e curiosamente tinham vários projetos para a Autolatina, entre eles um carro modelado em clay de escala 1:1 do que supostamente seria um inédito Ford compacto na base do Gol, aí surgiu a idéia de deixá-lo mais real, aparentemente sem nome eu o batizei de Ford Festiva, pois nos Estados Unidos existiu um compacto da marca com esse nome.

A lateral praticamente é um Gol geração "bolinha" lançado em 1994, o que poderiamos supor que esse carro se tivesse sido concretizado seria lançado em 95 ou 96. A frente segue o padrão oval da marca característico dessa época, farois simples, a traseira e a coluna C são um pouco mais curvas que a do Gol. As lanternas são enormes, invadem a tampa do porta-malas e  se ligam, lembram as do Versailles, porém, acho que eles se inspiraram na traseira do Escort americano, que tinha esse mesmo exagero acrílico.

Muita dúvida sobre esse carro, essas imagens são de um modelo em Clay de escala real, mas pouco sabe se foi feito um protótipo de verdade, também há boatos de que esse carro foi o pivô que pôs fim a Autolatina, alguns deles são de que os revendedores VW eram contra o projeto, pois temiam que faltassem Gols para atender à demanda, ou que muitos clientes migrassem para as concessionárias Ford, com isso a Ford precisando de um modelo compacto urgentemente, pediu o "divórcio" e de cara optou em trazer o Fiesta  importado da Espanha e um tempo depois o nacionalizou.


Making-of:  Para as imagens que criei usei um processo diferente, ao invés de uma simples fotomontagem em cima de uma imagem do Gol, optei por vetorizar a foto do modelo em escala e pintá-lo através do Photoshop, com excessão de algumas peças como rodas, faróis e emblema.

Agradeço ao blogueiro Diego "Gonzo" Honorato pela dica do link.

12 comments:

Victor Braga e Bravo said...

Aprendendo novas técnicas (vetorização) no photoshop hein Du... hehe

Os reflexos na carroceria ficaram muito bons e os do capo impressionam, pois sei que visualizar esses efeitos de luz é bem difícil. Esses vãos das portas, parachoques e afins ficaram bons também, acertou na iluminação deles. Parabéns pelo trabalho, muito caprichado.

Quanto aos posts diminuidos do blog eu entendo como é isso. Blog dá pouca grana mesmo e aperta os horários. Agora que voltei a estudar na faculdade eu reduzi meus números de postagens e já tem amigos meus comentando "Ué, parou desenhar?". Foque no seu futuro profissional. Sucesso na 4R e muitas propostas que, se Deus quiser, futuramente virão para você.

Abraços!

Du said...

Vlw Victor, pelo menos os ansiosos por novidades no blog agora ficam menos ansiosos, rs, só que agora preciso pegar firme no Renault4, pois é pra entregar agora em Junho.

cRiPpLe_rOoStEr a.k.a. Kamikaze said...

talvez se tivessem trazido o festiva de 2a geração (baseado no kia avella ao invés do kia pride) teria feito algum sucesso... mas acho que se fosse para fazer adaptação de carroceria com linhas da ford numa plataforma já existente poderia ficar mais fácil usar a do escort hobby, que já viabilizava motor transversal ao invés de longitudinal...

Nanael Soubaim said...

Não teria ficado feio, nem mesmo é difícil fazer isso em um Bolinha batido, mas a hipótese do Kamikaze é mais plausível.

Du said...

Acho que a razão da autolatina era economizar em componentes, para eles não adiantaria terem dois projetos diferentes no mesmo segmento. Houve o lançamento do Escort/Verona "sapo" em 92 para compartilhar com o Logus/Pointer e o novo Gol viria para também ser um modelo Ford, a gambiarra era só mudar frente/traseira/interior e o povão acreditaria se tratar de um novíssimo carro.

A idéia do Escort Hobby era interessante, mas ele já estava defasado até na parte do meio, e a gente vê a idade do projeto pela coluna A, precisaria de uma carroceria quase toda nova (ainda pra piorar a GM havia lançado um Corsa atualíssimo para a época).

Concordo que tanto o Hobby quanto o Kia seriam ótimas idéias se a Ford fosse independente na época, mas na época havia um desinteresse total da Ford em investir na filial brasileira, tanto que quase fecharam as portas aqui não fosse esse casamento com a VW para diminuirem custos de projetos e produção.

Matheus Klein Schaefer said...

Seu carro ficou lindo, mas achei os faróis meio "esquisitos". Se tivessem uma aparência mais agressiva (como as do Gol), ficaria melhor.

Du said...

Anos 90, farois eram assim mesmo.

Raí Carlos said...

Realmente tem traços bem parecidos com os do Gol, seriam concorrentes acirrados se tivesse sido prodizido, mas legal mesmo seria saber como ele seria hoje se tivesse em produção. Parabéns mais uma vez Du, a projeção ficou perfeita !!!

Sergius said...

Por falar em R4, se quiser palpite, é só falar...
Abraço
SWF

Alexandre Braga da Costa said...

Edu, adorei!
Que tal uma projeção de uma leve reestilização do Astra, caso ele fosse permanecer no mercado por mais uns 5 anos?

GdSM said...

Realmente este pode ter sido mesmo o motivo do fim do casamento entre as empresas, já que para a Ford este carro poderia ser um ganho de mercado enorme na época, pois, mesmo utilizando os componentes de base do Gol para produzir o carro, ela poderia incrementa lo com um motor transversal e mais moderno, colocando assim a sua "sócia" VW em uma grande fria.
Nas fotos parece que o projeto estaria dividido em duas partes, pois na parte de cima no canto esquerdo, a porta utilizada como molde do clay, lembra muito a do escort produzido aqui apartir de 92, já na parte de baixo a porta remete mais ao gol g2, Seria um carro interessante para a Ford no idos da década de 90! Talvez se isto tivesse se tornado realidade hoje poderiamos contar com um Fordinho popular totalmente nacional.

GFMartins said...

Será que quando o Festiva estava no Clay(argila usada para modelar modelos automotivos primários) necessariamente as lanternas traseiras eram interligadas pela lanterna horizontal que corta a tampa do porta-malas? Acho que isso era somente um vinco que vinha das lanternas traseiras e atravessava a tampa do porta-malas.